Páginas

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Resenha: “Cidade das Cinzas” – Os Instrumentos Mortais #2, por Cassandra Clare

Não leia essa resenha se ainda não leu Cidade dos Ossos – Os Instrumentos Mortais #1. Confira a resenha do primeiro volume clicando aqui.

Título original: City of Ashes
Autora: Cassandra Clare
ISBN: 9788501087157
Páginas: 404
Editora: Galera Record
Ano da edição: 2011
Avaliação: 5 estrelas
Sinopse:
No mundo dos Caçadores de Sombras, ninguém está seguro. E agora que Clary descobriu fazer parte do perigoso Submundo, sua vida nunca mais será a mesma. Jace, seu recém-descoberto irmão, está cada vez mais impossível, e não parece medir esforços para enfurecer a todos. E sua atitude de bad boy não ajuda em nada quando, após o roubo do segundo dos instrumentos Mortais, a Inquisidora aparece no Instituto para interroga-lo... Agora Jace é suspeito de ajudar o pai, o perverso Valentim, num plano que vai colocar em risco não só Idris ou o Submundo, mas toda a cidade de Nova York. E Clary não pode deixar de se perguntar: será que as ironias de Jace só são uma forma de chamar atenção, ou também pode haver traição por trás de tanto mistério?

Quando terminei de ler Cidade dos Ossos em dezembro, fiquei louuuca para ler a continuação, mas devido aos estudos para os vestibulares e outros livros na fila, só mais de um mês depois pude enfim realizar o meu desejo e ler o queridinho Cidade das Cinzas!

Os relacionamentos da Clary se desenvolvem mais nesse livro. Uma das cenas mais legais foi no Reino das Fadas. A Rainha Seelie sabe mesmo como manipular as pessoas. Sim, fadas são traiçoeiras. Outros mundos/criaturas do submundo são citados ou tem uma maior importância nesse volume. Ainda sobre a Clary, ela descobre uma nova habilidade, e com isso, o Alec foi beneficiado, mesmo que temporariamente. Gostei muito da cena em que essa habilidade proporcionou que um outro lado do Alec fosse mostrado.

Com o Simon aconteceu uma coisa terrível. Entretanto, o modo com a cena é narrada é impressionante, eu consegui imaginar tudo e sentir as dores do personagem. Incrível a descrição da Cassandra Clare.

Novos personagens apareceram, ao menos os pais dos Lightwood, a Maryse e o Robert, aparecem efetivamente ao voltarem para Nova Iorque. Uma nova personagem mesmo é a Inquisidora. Eu não gostei nem um pouco dela, e fiquei com muita raiva das atitudes que ela teve com relação ao Jace.

O Valentim também me irritou. Deu uma pena do que ele fez para realizar os planos malignos. Sei lá, eu ainda tenho as minhas dúvidas sobre ele. Acho que tem algo errado, ainda mais tendo em vista a árvore genealógica que falei na resenha de Cidade dos Ossos.

O final é de cortar o coração. Quando eu pensei que ia dar tudo certo… Ai ai, ainda tenho esperança que em Cidade de Vidro as coisas mudem. Como inicialmente era uma trilogia, creio que todas as questões serão resolvidas no próximo livro.

A Autora

Cassandra Clare, pseudônimo de Judith Rumelt, tem 39 anos e nasceu em 27 de julho de 1973 em Teerã, no Irã. Seus pais são americanos, e antes dos 10 anos já tinha morado na França, Inglaterra e Suíça. Após a faculdade trabalhou em vários tabloides.

É escritora da série Os Instrumentos Mortais que inicialmente seria uma trilogia, mas terão 6 livros e o lançamento do último volume está previsto para 2014 nos Estados Unidos. A adaptação cinematográfica do primeiro volume da série está prevista para estreia em 23 de agosto de 2013. Também escreve As Peças Infernais, uma trilogia que se passa no mesmo universo de Os Instrumentos Mortais, mas na Era Vitoriana. O último volume de As Peças Infernais, Clockwork Princess, será lançado em março de 2013 nos Estados Unidos.

Essa resenha compõe o tema de janeiro do Desafio Literário 2013:
Tema Livre

Até breve, :*

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Resenha: “Exclusivo” – Exclusivo #1, por Kate Brian

Também conhecido como: Gossip Girl (GG) – sem a Gossip Girl – narrado por uma personagem estilo Jenny Humphrey durante 1º temporada de GG.

img033

Título original: Private
Autora: Kate Brian
ISBN: 9788501085016
Páginas: 272
Editora: Galera Record
Ano da edição: 2009
Avaliação: 4 estrelas
Sinopse:
Reed Breenan é a garota nova da vez. Com problemas de autoestima e uma vontade enorme de nunca mais voltar para casa, ela se assusta ao chegar na Academia Easton. E vai ser difícil para ela, uma bolsista, se sentir integrada.

Isso até conhecer as Meninas do Alojamento Billings. Noelle, Ariana, Taylor e Kiran podem apresentar o passe para tudo o que um colégio particular e exclusivo tem a oferecer: festas às escondidas, garotos lindos, roupas de grife... e segredos terríveis. Será que Reed está disposta a tudo em nome da popularidade?

Descobri Exclusivo através do Na Minha Caixa de Correio, da Pâm do Garota It – ps.: hoje ela não faz mais vídeos de caixa de correio, =/. Faz um tempão isso, e de repente vi a obra em um tópico do Livro Viajante e resolvi participar! Bem, achei o livro uma mistura de: Gossip Girl + Meninas Malvadas; e até que gostei.

A personagem principal, a Reed, é um pouco chata. Eu não entendi o fato dela ter poucos ou quase nenhum amigo e ao entrar no internato no 2º ano querer ser amiga das meninas populares. Não faz muito sentido. Ela tem dificuldade em fazer amizades, ou melhor, afasta as pessoas devido aos problemas familiares e vai tentar se aproximar das Meninas do Billings?

As próprias Meninas do Billings – Billings é um dos alojamentos do internato, o mais especial – são muito frescas! OMG! São 4 garotas mais velhas que estão no 3º ou 4º ano do colegial. Elas influenciam demais as pessoas. X pessoa não pode namorar Y, porque Y é de um alojamento ralé. Faça-me um favor, né? Pff…

Entretanto, das Meninas do Billings, a que mais gostei foi a Ariana, que gosta muito de ler. Ao mesmo tempo, não entendi qual era a dela. Ela foi a que mais se aproximou da Reed, parecia uma personagem muito diferente das Meninas do Billings, mas em outros momentos agia igual às amiguinhas, humilhando a Reed.

Um personagem que fez o livro ficar muito bom foi o Thomas. OMG, Thomas, <3! Ele é tão sedutor. Curti muito! Ele não entende porque a Reed idolatra tanto as Meninas do Billings, assim como eu não entendo. Ele critica muito isso, e eu concordo. O relacionamento dele com a Reed é até bom, e espero que apesar dos problemas, dê certo.

O final gera grande expectativa para o próximo volume, Só para convidados. Por fim, recomendo o livro para quem curte essas histórias sobre busca de popularidade/amizade, como disse, bem estilo Gossip Girl e Meninas Malvadas. Até para quem quer uma leitura rápida, porque o livro é dividido em vários capítulos com poucas páginas.

 

20269767[1]

A Autora

Kate Brian, pseudônimo de Kieran Scott, tem 38 anos e nasceu em 11 de março de 1974 em Montvale, Nova Jersey, Estados Unidos. É formada em Inglês e Jornalismo pela Universidade de Rutgers. Trabalhou como editora por quatro anos antes de se tornar escritora.

Escreveu as trilogias The Cheerleader e The So, as séries Private (PT: Exclusivo) e Privilege, entre outros livros. O quarto volume da série Exclusivo será lançado esse ano no Brasil, e nos Estados Unidos a série já finalizou com 14 volumes.

Essa resenha compõe o tema de janeiro do Desafio Literário 2013:
Tema Livre

Até o próximo post, :*

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Resenha: “Amanhã Você Vai Entender”, por Rebecca Stead

Título original: When you reach me
Autora: Rebecca Stead
ISBN: 9788580570540
Páginas: 224
Editora: Intrínseca
Ano da edição: 2011
Avaliação: 4 estrelas
Sinopse:
Miranda está em meio a um grande enigma. Um estranho pode ter invadido sua casa, seu melhor amigo foi agredido na rua e uma série de bilhetes, que ela não compreende nem tampouco sabe quem escreve, alerta sobre a morte de alguém. Alguém próximo. Alguém que ela poderá ajudar a salvar.

Mas para isso, a menina precisa descobrir o que está acontecendo. Bilhete após bilhete, as peças do quebra-cabeça se juntam, até que finalmente o cenário se completa e Miranda percebe que a resposta esteve bem ali, bem na frente dela – mas o tempo é ardiloso: guarda hoje momentos que só amanhã você vai entender.

Mais um daqueles livros que tive interesse em ler sem ler a sinopse. Me interessei por causa do título, que é uma frase que o meu professor de matemática do ensino médio sempre disse quando concluía reflexões sobre a vida, falava sobre planos futuros: “Não entendeu? Não tem problema. Amanhã você entende”. Ao final, é bem isso. Alguns fatos podem ser irrelevantes, mas no futuro, talvez tenham importância e façam compreender certas circunstâncias do presente. Outro fator que me fez ter interesse é a capa: lindíssima e chamativa!

A obra é narrada em primeira pessoa por Miranda Sinclair, uma garota de 12 anos. Confesso que pensei que a protagonista seria mais velha, mas a linguagem que a autora emprega condiz com uma pessoa desta idade. A história se passa em Nova Iorque, no ano de 1979 e digamos que não é narrada na ordem cronológica.

Mais de 70% dos capítulos – não há índice/sumário; tentei contar 2 ou 3 vezes, mas me perdi e achei melhor deixar em porcentagem aproximada – iniciam deste modo: “Coisas…”. Exemplos: “Coisas que marcam”, “Coisas que desejamos”. Afinal, quando não há melhor palavra para expressar, sempre sai um “coisa”, né? rs

A Miranda tem uma rotina: casa-escola-casa, às vezes, idas às casas dos colegas. De certa forma ela é independente, levando em consideração a idade que tem. Tanto é que ela é uma “criança-chave” – “crianças que têm a chave de casa e ficam sozinhas depois da escola até o adulto chegar para fazer o jantar”. Bem, eu fui uma dessas crianças, ainda mais por ser filha única, portanto, me identifiquei com a Miranda.

Gostei da história, de certa forma se enquadra em um suspense. Na verdade, ao final, acredito que para entender o livro, pode-se pensar em um aparato de Harry Potter – o qual não nomearei porque revelaria o enredo. A trama envolver questões filosóficas. Após a leitura, é bom refletir sobre essa história.

A Autora

 

Rebecca Stead, 45 anos, nasceu em 16 de janeiro de 1968 em Nova Iorque. Em 2010 ganhou a Medalha Newbery pela importante contribuição à literatura jovem por conta do livro Amanhã você vai entender.

 

 

 

Essa resenha compõe o tema de janeiro do Desafio Literário 2013:
Tema Livre

Bye! :*

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Desafio Literário 2013

Mais um DL (sim, essa menina não tem jeito, HUSHAUSHAUS)

Janeiro - Tema Livre
Amanhã você vai entender – Rebecca Stead (RESENHA);
Exclusivo – Exclusivo #1, por Kate Brian e (RESENHA);
Cidade das Cinzas – Os Instrumentos Mortais #2, por Cassandra Clare (RESENHA).

Fevereiro - Livros que nos façam rir
Tamanho 42 não é Gorda – Meg Cabot;
Qual o seu número? – Karin Bosnak.

Março - Animais protagonistas
A Revolução dos Bichos – George Orwell;
Dewey: Um gato entre livros
– Vicki Myron.

Abril - Uma ou mais das quatro estações no título
A Caminho do Verão – Sarah Dessen;
O Rei do Inverno – Bernard Cornwell;
Sonhos de uma noite de verão – William Shakespeare.

Maio - Livros citados em filmes
Madame Bovary – Gustave Flaubert (citado em Pecados Íntimos);
As Mil e Uma Noites – Tradução de Antoine Galland (citado em Coração de Tinta);
Persuasão – Jane Austen (citado em A Casa do Lago e O Clube de Leitura da Jane Austen);
Jane Eyre – Charlotte Brontë (citado em Três Vezes Amor).

Junho - Romance Psicológico
São Bernardo – Graciliano Ramos.

Julho - Cor ou cores no título
Um Estudo em Vermelho/O Cão dos Baskervilles: O primeiro caso de Sherlock Holmes e uma incursão no terror – Sir Arthur Conan Doyle.

Agosto – Vingança
Se Houver Amanhã – Sidney Sheldon.

Setembro - Autores Portugueses Contemporâneos
Ensaio Sobre a Cegueira – José Saramago.

Outubro - Histórias de superação
Para Sempre – Kim e Krickitt Carpenter;
Julie & Julia – Julie Powell;
Coração em Cinzas – Adeline Yen Mah.

Novembro - Livros que foram banidos
Ponte para Terabítia – Katherine Paterson;
1984 - George Orwell;

O Apanhador no Campo de Centeio – J. D. Salinger;
Fahrenheit 451 – Ray Bradbury.

Dezembro – Natal
A Aventura do Pudim de Natal – Agatha Christie.

Bom, será que eu vou conseguir ler pelo menos um de cada mês? Veremos!

Até breve!

Ps.: Irei alterar a lista conforme for necessário…

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Resenha: “Quadribol Através dos Séculos”, por Kennilworthy Whisp (J. K. Rowling)

Título original: Quidditch Through the Ages
Autor (a): Kennilworthy Whisp (J. K. Rowling)
ISBN: 853251322
Páginas: 64
Editora: Rocco
Ano da edição: 2001
Avaliação: 5 estrelas
Sinopse:
Se você algum dia quis saber como surgiu o pomo de ouro ou por que o time dos 'Vagamundos de Wigtown (Wigtown Wanderers) tem a estampa de um cutelo de açougueiro no uniforme, você precisa ler Quadribol através dos séculos (Quidditch Throught the Ages). Esta edição limitada é uma cópia do exemplar guardado na Biblioteca Escolar de Hogwarts e consultado por jovens fãs do quadribol quase diariamente.

Quando comprei os três clássicos de Harry Potter fiquei emocionada porque poderia relembrar alguns trechos dessa maravilhosa saga e também por ter pagado apenas R$ 19,90 em livros desejados desde 2010! Ahh, como foi bom ler o prólogo escrito pelo Dumbledore, e a página inicial ser a mais engraçada que já li até hoje:

AVISO: Se você remover folhas, rasgar, picar, vincar, dobrar, deformar, desfigurar, sujar, manchar, jogar, deixar cair ou, de qualquer outra maneira, danificar, maltratar ou demonstrar falta de respeito com esse livro, sofrerá as piores consequências que eu puder lhe infringir.

Irma Prince, bibliotecária de Hogwarts”

Isso deveria se aplicar a todos os livros, certo? Antes desse excerto há uma lista de quem já pegou o livro e a data, se assemelhando a um livro de biblioteca. Advinha quais nomes estão na lista? C. Diggory, A. Johnson, K. Bell, F. Weasley, H. Granger, H. Potter e muitos outros personagens! Que nostálgico! Deu tanta saudade de Harry Potter, a tal ponto que quero reler a saga antes dos vinte anos! Tenho apenas que decidir qual edição comprar, D:!

Quadribol Através dos Séculos é dividido em dez capítulos, os quais abordam desde a evolução da vassoura, o surgimento do quabribol, os tipos de bola, os times de quadribol e outros esportes do mundo bruxo. É interessante observar a evolução de um esporte, são feitas várias mudanças até chegar ao que se é conhecido hoje.

Existem três tipos de bola no quadribol e a mais importante é o Pomo de Ouro, a qual somente o apanhador pode pegar. Convenhamos que para a Saga – espero que todos que estejam lendo este post já tenham lido pelo menos o primeiro volume de Harry Potter – essa com certeza é a bola mais importante, principalmente para o Harry, o apanhador da Grifinória! Bem, mas como surgiu o Pomo de Ouro? No livro é explicado, e assim como outros aspectos, evoluiu até ser o que é hoje.

Uma outra curiosidade são os times de quadribol pelo mundo. Sabia que existem times na América do Sul? Segundo Whisp, Argentina e Brasil são bons, mas não são os melhores times da região. Qual será o melhor?

Quadribol Através dos Séculos é uma obra incrível. É bom ver o mundo que a J. K. Rowling criou, de que maneira o dispôs para nós, e de certa forma ele interagir com a nossa realidade. Eu indico esse livro para quem já leu Harry Potter para entender mais sobre quadribol.

Até breve!

Essa resenha compõe o 18º item do Desafio Realmente Desafiante 2013:

Ler um livro com a capa com letras amarelas

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Desafio Realmente Desafiante 2013

Eu pensei, pensei e pensei sobre entrar em desafios nesse ano que se inicia. No começo, estava pensando em ler apenas os livros que estão na minha meta do Skoob. Mas continuei a pensar e tive uma ideia melhor: unir o útil ao agradável! Como no DRD 2013 só pode ter livros que foram comprados/ganhados/trocados até 2012, vou pode colocar os livros que tenho para ler aqui em casa há alguns anos e talvez, alguns viajantes também. Estou pensando até em só comprar novos livros (salvos os que talvez compre para a faculdade) quando cumprir o desafio (eita meta difícil, né amigos? HSUHAUSHUAHUA).

 

1. Ler um livro que você ganhou, não gostou muito e ficou na prateleira.
Transplante de Menina – Tatiana Belinky.

2. Ligar para um amigo, ou mandar uma mensagem no face, e pedir uma indicação de livro! Se você não tiver o livro, NÃO VALE COMPRAR, peça emprestado.
Olhai os Lírios do Campo – Erico Verissimo (indicação da Bia).

3. Ler um livro com um doce na capa.
Bridget Jones no Limite da Razão – Helen Fielding

4. Ler um livro com um casal apaixonado na capa.
A Última Música – Nicholas Sparks.

5. Ler um livro que o autor tenha a mesma inicial que a sua.
Los Angeles (Família Walsh #3) – Marian Keyes.

6. Peça para alguém olhar na sua estante e escolher um livro há muito esquecido.
O Escândalo da Estação – Sophie Gee (escolhido pelo Leandro).

7. Ler um livro que é citado em outro livro.
O Morro dos Ventos Uivantes – Emily Brontë (citado em Crepúsculo).

8. Ler um livro que foi lançado no ano do seu nascimento.
Doze horas de terror – Marcos Rey (1994);
Do Amor e Outros Demônios – Gabriel García Márquez (1994).

9. Ler um livro cujo título tenha mais de 5 palavras.
Morte e Vida de Charlie St. Cloud – Ben Sherwood;
A Menina que Brincava com Fogo (Millenium #2) - Stieg Larsson.

10. Ler um livro que tenha entre 300 e 350 páginas.
Lágrima de Fogo (Mundo de Sombras #1) – Ana Macedo (312 páginas).

11. Ler um livro nacional.
A Escrava Isaura – Bernardo Guimarães;
A Droga da Obediência (Os Karas #1) – Pedro Bandeira.

12. Ler um livro que você ganhou de presente de aniversário.
Um dia – David Nicholls (ganhei da Tau – PS.: ela quase me matou quando descobriu que eu tinha emprestado o livro antes de ler. ENTÃO, É MELHOR EU LER LOGO, NÉ?);
Três Metros Acima do Céu – Federico Moccia;
Sou Louco por Você – Federico Moccia.

13. Ler um livro com a capa entre bege e marrom.
O Andarilho – Bernard Cornwell;
Reencontro – Leila Krüger;
Senhora – José de Alencar.

14. Ler um livro de zumbis.
A Ascensão do Governador (The Walking Dead #1) – Robert Kirkman;
Sangue Quente – Issac Marion.

15. Ler um livro com a capa feia.
Um amor para recordar – Nicholas Sparks (acho a capa feia porque os casal da capa não é bonito. Dizem que bate com a descrição dos personagens feita no livro. Mas nesse caso, gostaria que existisse uma versão em português com a capa do filme),

16. Re-ler e resenhar um livro que leu há muito tempo e nunca resenhou!
Assassinato no Expresso do Oriente – Agatha Christie;
O Natal de Poirot – Agatha Christie;
As Delícias da Fofoca (Gossip Girl #1) – Cecily Von Ziegesar;
Orgulho e Preconceito – Jane Austen;
Os Contos de Beadle, o Bardo – J. K. Rowling;
Melancia (Família Walsh #1) – Marian Keyes;
Férias (Família Walsh #2) – Marian Keyes;
Marcada (A Morada da Noite #1) – P. C. Cast e Kristin Cast;
Traída (A Morada da Noite #2) – P. C. Cast e Kristin Cast;
A breve segunda vida de Bree Tanner – Stephenie Meyer.

17. Ler um livro que tenha um personagem com o seu nome ou que tenha o mesmo apelido que você.
A Casa das Sete Mulheres – Letícia Wierzchowski (personagem Mariana);

18. Ler um livro com a capa com letras amarelas.
Animais Fantásticos & Onde Habitam – Newt Scamander (J. K. Rowling);
Quadribol através dos séculos – Kennilworthy Whisp (J. K. Rowling);
A Cidade e As Serras – Eça de Queiroz.

Byeee!

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Desafios Literários/Diversificados que estão acontecendo na blogosfera em 2013!

Quem aí sabe o que é um DL?

A sigla significa desafio literário. Um desafio literário é um bom modo de variar as leituras, diminuir a pilha de livros que estão no “vou ler” e também aumentar o número de livros lidos durante o ano. Legal também é que no final, para quem conseguir ler os livros propostos, muitos desafios realizam sorteios, ;)

Atualmente estão rolando vários desafios na blogosfera. Irei comentar sobre eles a seguir. Ao clicar nas imagens, você será redimensionado para os blogs que estão organizando os desafios.

Desafio Literário 2013
Esse é de um blog voltado somente para desafio, o Desfio Literário. Nesse desafio você tem que ler 12 livros e resenha-los (pode postar a resenha em várias redes sociais como Skoob, Tumblr, Blogger – excerto Facebook – e se não estiver em nenhuma delas, pode enviar por e-mail também. Veja mais no regulamento). Olhando os arquivos do blog do DL, creio que ele exista desde 2010. Desde então, muito temas já rolaram e os de 2013 são:

  1. Janeiro - Tema Livre
  2. Fevereiro - Livros que nos façam rir
  3. Março - Animais protagonistas
  4. Abril - Uma ou mais das quatro estações no título
  5. Maio - Livros citados em filmes
  6. Junho - Romance Psicológico
  7. Julho - Cor ou cores no título
  8. Agosto - Vingança
  9. Setembro - Autores Portugueses Contemporâneos
  10. Outubro - Histórias de superação
  11. Novembro - Livros que foram banidos
  12. Dezembro – Natal

O que acharam dos temas?

O de janeiro já é um incentivo, porque vale qualquer livro e fevereiro também, porque quase todo mundo gosta de rir e espairecer. Os que achei mais complicadinhos foram o tema de junho, agosto e setembro. Quem estiver com vontade de participar, mas não sabe o que escolher, pode olhar a lista de sugestões que existe no blog do DL: http://desafioliterariobyrg.blogspot.com.br/2012/11/sugestoes-de-leitura-dl-2013.html

Projeto: Variedade Literária

Esse é intitulado Projeto, mas também encaro como um desafio. É do blog Verbo: Ler, da Lia (aquela blogueira que eu conheci na Bienal, ;). Nesse projeto você você tem que ler 12 livros e escrever a resenha deles é opcional. Ao terminar a leitura do livro para o projeto, você pode comentar sobre ele na resenha que a Lia publicar no Verbo:Ler. Saiba mais aqui, em "regrinhas". Os temas do projeto são:

  1. Janeiro: Aventura/Sobrenatural/Fantasia/Ficção científica
  2. Fevereiro: Chick Lit
  3. Março: Biografia
  4. Abril: Clássico da literatura brasileira ou portuguesa
  5. Maio: HQ/Graphic Novel
  6. Junho: Autoajuda
  7. Julho: Crônicas/Contos
  8. Agosto: Clássico da literatura mundial (exceto brasileira ou portuguesa, rs)
  9. Setembro: Poesia
  10. Outubro: Não-ficção de interesse geral
  11. Novembro: Suspense/Terror /Policial
  12. Dezembro: Religião/Espiritualidade/Ateísmo

E desse, o que acharam?

Achei os temas fáceis! Como vocês sabem, eu adoro Chick Lit, então fevereiro está demais! Mas, acho que não tenho nenhum livro de Autoajuda e Não ficção de interesse geral. Não curto muitos esses estilos. Só que o bom de um DL é que você pode conhecer novos autores e gêneros literários, novamente: diversificar o tipo de leituras, sair da zona de conforto e desbravar novos estilos!
A Lia já publicou uma lista de sugestões de livros para janeiro, quem quiser dar uma olhada: http://verbo-ler.com.br/2012/11/projeto-variedade-literaria/

Desafio Literário 24/12 (3.0)
Eu participei de versão 2.0 desse desafio, que é organizado pelo blog da Paula, o Sombra do Vento. Nele você tem que ler 24 os livros do 12 temas propostos (dois de cada tema) e pode postar as resenhas no seu blog ou Skoob. Se quiser participar, as inscrições vão até dia 6 de janeiro de 2013. Saiba mais sobre o desafio clicando aqui. Temas para 2013:

  1. Janeiro: Distopias
  2. Fevereiro: Infanto-Juvenil
  3. Março: Anjos ou Vampiros
  4. Abril: Terror ou suspense
  5. Maio: Livro de banca
  6. Junho: Contos ou crônicas
  7. Julho: Clássicos da Literatura
  8. Agosto: Chick Lit
  9. Setembro: Livros Nacionais
  10. Outubro: Livro adaptado para o cinema
  11. Novembro: Livro que você tem há muito tempo e nunca leu
  12. Dezembro: Autor internacional (menos americanos ou britânicos)

O que vocês acharam desses temas?

Também não achei difícil, mas romance de banca sempre pega no meu pé, rs. Não curto muito, e até hoje só li dois (um deles foi para o desafio do ano passado). Tenho um outro aqui em casa, que não deu para ler para o desafio de 2012, e se for participar esse ano, colocarei-o novamente e terei que caçar um outro para colocar na lista. Ahh, existe uma página no Facebook para discutir sobre o desafio. Visitem: http://www.facebook.com/DesafioLiterario24.12.

Desafio Realmente Desafiante 2013
Esse desafio é organizado pela da Clícia, do blog Silêncio que eu tô lendo. Também participei dele em 2012, mas dessa vez a proposta é um pouco diferente: você tem que ler de 12 a 18 livros. Portanto, não é um ou dois livros por mês, são de 12 a 18 no tempo em que achar melhor. Ah, e um detalhe que ia esquecendo: tem que ser os livros que você ganhou ou comprou até 2012, os deste ano não valem, hein? E se não tiver todos os livros, pode pegar emprestado. Bem, o nome do desafio tem uma palavra que o define perfeitamente: desafiante. Por quê? Por causa dos temas, veja:

  1. Ler um livro que você ganhou, não gostou muito e ficou na prateleira.
  2. Ligar para um amigo, ou mandar uma mensagem no face, e pedir uma indicação de livro! Se você não tiver o livro, NÃO VALE COMPRAR, peça emprestado.
  3. Ler um livro com um doce na capa.
  4. Ler um livro com um casal apaixonado na capa.
  5. Ler um livro que o autor tenha a mesma inicial que a sua.
  6. Peça para alguém olhar na sua estante e escolher um livro há muito esquecido.
  7. Ler um livro que é citado em ouro livro. (Por exemplo: A Bella em Crepúsculo cita O Morro dos Ventos Uivantes)
  8. Ler um livro que foi lançado no ano do seu nascimento.
  9. Ler um livro cujo título tenha mais de 5 palavras.
  10. Ler um livro que tenha entre 300 e 350 páginas.
  11. Ler um livro nacional.
  12. Ler um livro que você ganhou de presente de aniversário.
  13. Ler um livro com a capa entre bege e marrom.
  14. Ler um livro de zumbis.
  15. Ler um livro com a capa feia. (E explicar o porquê de não gosta da capa!)
  16. Re-ler e resenhar um livro que leu a muito tempo e nunca resenhou!
  17. Ler um livro que tenha um personagem com o seu nome ou que tenha o mesmo apelido que você.
  18. Ler um livro com a capa com letras amarelas.

Pessoal, esses temas são muito geniais, não é? O 18 é engraçado, e vai dar um pouco de trabalho para quem for participar e escolher esse tema. Os que eu mais gostei foram o 6, 7, 8, 9, 12, 15, 16 e 17. Para saber mais sobre o desafio, acesse: http://www.silencioqueeutolendo.com.br/2013/01/desafio-realmente-desafiante-2013_2.html

Desafio Literofotográfico 2013
Esse desafio é o mais diferente de todos. Foi criado por: Aione – Minha Vida Literária, Clícia – Silêncio que eu tô lendo, Evellyn – Hey Evellyn, Tathy – Tathy e Will – Vício de Cultura. Nele vocês tem que postar no Facebook todos os dias do ano uma foto com o livro que estiver lendo. Imagina o resultado final? Deve ficar maravilhoso! Se alguém se interessar, acesse: https://www.facebook.com/literografia/

Desafio: Fuxicando sobre Chick-lits
Enquanto estava preparando o post, encontrei esse desafio. Ele é organizado pelo blog
Livros & Fuxicos, pertencente à Paola Aleksandra. Confiram os temas:

  1. Janeiro: Escolha algum chick-lit que já tenha
  2. Fevereiro: é o mês de aniversário da Meg Cabot! Escolha algum livro da autora (não são válidos os assinados por Patricia Cabot)
  3. Março: Para comemorar o Mês da Mulher, escolha um chick-lit cuja protagonista seja uma mulher independente.
  4. Abril: Chick-Lits nas telas! Escolha um livro que já ganhou alguma adaptação para o cinema ou em forma de seriado!
  5. Maio: é o Mês das Noivas. Escolha um chick-lit em cuja história ocorra algum casamento ou cuja temática aborde o assunto.
  6. Junho: No Mês dos Namorados, escolha um chick-lit em cuja capa haja um casal, um coração ou qualquer referência ao amor, ao romance ou a se estar apaixonado.
  7. Julho: Meio do ano, já teve bastante tempo para procurar, certo? Então leia um chick-lit em que haja algum personagem que apareça na sinopse do livro e cujo nome comece com a inicial do seu nome.
  8. Agosto: Agosto, para mim, é o mês mais longo do ano. Sendo assim, leia um chick-lit de, no mínimo,400 páginas!
  9. Setembro: Mês da Independência do Brasil! Nada mais justo do que ler um chick-lit brasileiríssimo!
  10. Outubro: O tema é livre! Escolha qualquer chick-lit que queira ler e be happy!
  11. Novembro: Vamos julgar pela capa? Escolha algum chick-lit cuja capa tenha chamado a sua atenção!
  12. Dezembro: Para fechar o ano com chave de ouro, é hora de comemorar o aniversário da minha autora favorita do gênero! Escolha um chick-lit de Sophie Kinsella e veja o porquê de ela ser minha diva!

O que acharam?

Minha gente, que perfeito! AGORA EU REALMENTE QUERO ENTRAR EM UM DESAFIO! ESSE É DI-VI-NO!!! E olha os temas, que demais! Sério, sério! Já até sei que livro colocar em cada categoria! Ah, pena que não tem nenhum tema só da Marian Keyes, but okay. Hm, se você ficou também ficou interessado, saiba mais em: http://www.livrosefuxicos.com/2012/12/fuxicando-sobre-chick-lits-desafio.html

Desafio 2013: livros & seus filmes
Esse também é um desafio diferente, e é organizado pela Janine Stecanella, do blog
Estante da Nine. Nesse desafio você tem que ler o livro antes do filme dele estrear no cinema. Confiram os filmes de livros que tem previsão de estreia para 2013 e estão na lista da Nine – fiz algumas pesquisas nos sites IMDb, Filmow, Cine POP, Cinema 10 e alterei alguns dados na lista dela, a parte do mês de lançamento dos filmes:

  1. Os Miseráveis (1º de fevereiro)
  2. Sangue Quente (1º de fevereiro)
  3. Anna Karenina (15 de fevereiro)
  4. Flores raras (1º de março)
  5. Um Porto Seguro (15 de março)
  6. Carrie, A estranha (15 de março)
  7. A Hospedeira (29 de março)
  8. A Passagem (26 de abril)
  9. O Grande Gatsby (14 de junho)
  10. Guerra Mundial Z (28 de junho)
  11. Dezesseis Luas (12 de julho)
  12. Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos (23 de agosto)
  13. Percy Jackson e o Mar de Monstros (16 de agosto)
  14. Serena (27 de setembro)
  15. Símbolo Perdido (18 de outubro)
  16. O Aprendiz (As Aventuras do Caça-Feitiço) (26 de outubro)
  17. Em Chamas (22 de novembro)
  18. A Casa Torta (29 de novembro)
  19. O Hobbit (20 de dezembro)

Achei uma iniciativa muito legal, até porque já faz tempo que não vou ao cinema conferir alguma adaptação. Ah, esse desafio me lembrou o projeto do John Green (autor de A Culpa é das Estrelas), o Read 1st – para as pessoas lerem os livros antes de ver o filme. Voltando ao desafio, para quem é cinéfilo também é uma boa maneira para comparar o livro x filme. Se quiser saber mais sobre o desafio, acesse: http://www.estantedanine.com/2012/10/desafio-2013-livros-e-seus-filmes.html

Desafio Nacional Literário 2013
Esse desafio é organizado Yasmin, dona do blog Ler e Imaginar, que está em parceria com outros 7 blogs: Letras e Folhas, Abre a Porta da Imaginação, Entre Palcos e Livros, Memories of the Angel, World of Carol Espilotro, Leituras Vivas, e Reading Books and More. Os temas do desafio são os seguintes:

  1. Janeiro: Tema livre
  2. Fevereiro: Chick Lit
  3. Março: Distopia
  4. Abril: Drama
  5. Maio: Romance
  6. Junho: Romance policial
  7. Julho: Tema Livre (por ser um período mais tranquilo)
  8. Agosto: Mitologia
  9. Setembro: Infanto-juvenil
  10. Outubro: Fantasia
  11. Novembro: Sobrenatural
  12. Dezembro: Tema Livre (para fechar o ano).

O que acharam?
Taí uma boa oportunidade para quem quer ler mais livros nacionais e não encontra tempo. Eu infelizmente não poderia participar do desafio, porque tenho poucos livros nacionais, e a maior nem se encaixa. O bom é que tem vários temas livres para quem estiver uma situação parecida. Enfim, saiba mais sobre o desafio em: http://www.lerimaginar.com/2013/01/desafio-nacional-literario-2013.html. Ah, e também tem a page do Face: https://www.facebook.com/DesafioNacionalLiterario2013

Desafio revirando a estante 2013: ler 10 livros que você já tem na sua estante
Nesse desafio organizado pelo blog Open Page, da Caroline, vocês tem que ler 10 livros que já estão mofando na estante (brincadeira, porque eu sei que todos os bookaholics limpam a estante e cuidam bem dos livros queridos). Mas o espírito é esse: ler os livros que há muito tempo estão na estante.
Esse até que é um desafio mais fácil, porque não tem tema e os participantes tem um ano para ler 10 livros e resenha-los, o que dá 0,83 livros por mês. Para saber mais sobre o desafio, acesse: http://www.openpage.com.br/2013/01/desafio-revirando-estante-2013.html

##################### Atualizado em 07/01/2012 #####################

Pessoal, é desafio que não acaba mais! Achei mais alguns na internet, e a Michele indicou um nos comentários abaixo. Vamos lá:

Charlie's Booklist: 1 ano, 1 livro por mês, 1 vida literária awesome

Esse desafio é organizado pelo blog Conversa Cult, nele o objetivo dele está no banner acima, xD. Ele é inspirado no livro As Vantagens de ser invisível  de. No livro, o personagem Charlie lê as seguintes obras:

  1. To Kill a Mockingbird (O Sol é para Todos), por Harper Lee.
  2. This Side of Paradise (Este Lado do Paraíso), por F. Scott Fitzgerald.
  3. The Great Gatsby (O Grande Gatsby), por F. Scott Fitzgerald.
  4. A Separate Peace (Uma Ilha de Paz), por John Knowles.
  5. Peter Pan, por J. M. Barrie.
  6. The Catcher in the Rye (O Apanhador no Campo de Centeio), por J. D. Salinger.
  7. On the Road (On the Road – Pé na Estrada), por Jack Kerouac.
  8. Naked Lunch (Almoço Nu), por William S. Burroughs.
  9. Walden, por Henry David Thoreau.
  10. Hamlet, por William Shakespeare.
  11. The Stranger (O Estrangeiro), por Albert Camus.
  12. The Fountainhead (A Nascente), por Ayn Rand.

Sim, são todos clássicos americanos! Alguém aí já leu algum desses livros? Particularmente, eu ainda não (#shameonme). E se você também não, é uma ótima oportunidade de começar, afinal, se são clássicos, é porque influenciaram uma época e portanto, tem uma grande importância. Alguns livros são difíceis de encontrar, mas no blog o pessoal colocou várias dicas de onde conseguir os livros, (veja aqui).

Estou interessada em participar, mas como a minha vida não está resolvida – Passei [no vestibular] ou não passei? Eis a questão. – ainda não sei. O legal desse desafio é que as inscrições estão abertas por todo o ano; não precisa ler na ordem da lista; e pode ler os livros que quiser. Além disso, todo o mês está um post especial no Conversa Cult sobre o autor, depois a resenha do livro, e um espécie de clube do livro onde os leitores podem discutir sobre as leituras. Ótimo, não é? Se quiser mais informações, acesse: http://conversacult.blogspot.com.br/2012/12/charlies-booklist-2013-as-vantagens-de.html

Desafio 30 livros da sua estante

Esse desafio é organizado pelo Memories of the Angel, da Milena Cherubim. Ele é bem parecido com o Desafio Revirando a Estante 2013, mas nesse o desafio é maior: ler 30 livros que estão na estante há algum tempo. Se você acha que 10 livros são poucos, pode dar uma oportunidade a este desafio. Saiba mais em: http://memoriesoftheangel.blogspot.com.br/2012/12/desafio-30-livros-da-sua-estante.html

 

Bom pessoal, foram esses os desafios que achei. Ficaram animados a participar de algum? Opção é o que não falta, hein? Se forem participar, comenta aí, pois ficarei feliz em saber. Ah, e se alguém ai souber de mais algum desafio, é só comentar também, e depois eu atualizo o post.

Boas leituras, ;)

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Balanço dos Desafios Literários de 2012

Quero dizer a todos vocês que eu cumpri os dois desafios que participei em 2012!

É, não. Se eu participar de algum desafio em 2013, quem sabe, né?

Eu atualizei a página dos desafios que participei. Confiram:

Consegui ler 13 dos 24 livros propostos. Resenhei 7 livros, ;)

Nesse eu consegui cumprir metade da meta. De 12 livros,li 6. Destes, resenhei 2, =/

Em 2013, estou pensando seriamente em só ler os livros que estão na minha meta de leitura. Mas não sei. Vi uns desafios legais e vou postar sobre eles no próximo post. Será que vou participar de algum?

Xoxo!

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Bookshelf tour 2012!

UH-HUH! FELIZ ANO NOVO! QUE ESSE ANO QUE SE INICIA SEJA CHEIO DE RECOMEÇOS. FELIZ 2013 PARA TODOS!

Ouço coros de aleluia? Creio que sim!

HALLELUJAH, O VÍDEO EM QUE MOSTRO A MINHA ESTANTE:

Esse, na verdade, é o segundo vídeo. O primeiro tinha ficado com 45 minutos, ‘-‘! Então, eu regravei e tentei falar menos, rs!

Até logo!